A Ascensão e Queda do “Mestre” de Jair Bolsonaro

A Ascensão e Queda do "Mestre" de Jair Bolsonaro

Disseram que ele morreu. Ou, pelo menos, em estado crítico ou mesmo terminal. No início de novembro de 2021, Olafo de Carvalho, 74 anos, estava em seu pior momento. Esse homem, apelidado pela imprensa de “mentor de Jair Bolsonaro”, está internado há meses em São Paulo. Ele sofre de um tumor no estômago e sofre de insuficiência cardíaca e insuficiência renal, segundo a imprensa, e sofre de dores. Os rumores mais alarmantes se espalharam. Muitos acreditam que ele não chegará ao Natal.

Quando de repente surpresa. Em 16 de novembro, como uma fênix, “Olavo” voltou do reino dos mortos. Um videoclipe, filmado em sua casa em Richmond (Virgínia), nos Estados Unidos, mostrou que ele certamente está fraco, mas vivo. “Como você chegou aqui? É uma história muito curta!” (…) Eu estava no hospital e de repente me ofereceram um voo em quinze minutos. Eu não deixaria essa oportunidade perder! “,” Ele explica com naturalidade, um sorriso travesso de Nasr nos lábios.

Aliás, Olafo de Carvalho tinha decidido rodar em inglês para escapar de uma intimação policial. Em 10 de novembro, sua esposa Roxanne comprou com urgência duas passagens para Miami. Para maior discrição, paguei o valor em dinheiro. A decolagem ocorreu três dias depois, de Assunção, capital do Paraguai, onde o articulista havia chegado de carro, evitando controles de fronteira. Tudo isso sem anunciar sua alta para o hospital, que terminou com Fuga do paciente.

Olavista no poder

O episódio vale Bonnie e Clyde. Adiciona um novo capítulo à história deste personagem colorido, misterioso e controverso, culto e vulgar, conservador e revolucionário. O patriarca de extrema direita do Brasil, que assombra a vida política e intelectual do país há quase trinta anos, tem sido uma grande influência desde que Jair Bolsonaro chegou ao poder. Alguns o veem como Steve Bannon, o conselheiro de extrema-direita do ex-presidente Trump, ou o equatorial Patrick Poisson, ex-assessor de extrema-direita de Nicolas Sarkozy.

READ  Jogo Brasil x Argentina suspenso: FIFA prepara decisão disciplinar

Jair Bolsonaro sabe tudo o que lhe deve, principalmente sua ascensão ao poder. Assista a um espetáculo muito simbólico, que aconteceu na noite de 28 de outubro de 2018. Esta noite acaba de cair no Rio de Janeiro e com ela os resultados do segundo turno da eleição presidencial, que lhe dá o vencedor com mais de 55% do voto. Este momento é histórico. Jair Bolsonaro decidiu se dirigir à nação durante transmissão ao vivo nas redes sociais.

Você tem 87,93% deste artigo para ler. O seguinte é apenas para assinantes.

You May Also Like

About the Author: Opal Turner

"Totalmente ninja de mídia social. Introvertido. Criador. Fã de TV. Empreendedor premiado. Nerd da web. Leitor certificado."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *