A “mágica” das redes sociais desmascara o verdadeiro Superman no Brasil

A “mágica” das redes sociais desmascara o verdadeiro Superman no Brasil
Leonardo Muylaert é advogado, mas vira Superman nas horas vagas
MAURO PIMENTEL/AFP

Ele é advogado, não jornalista, e sua “identidade secreta” veio à tona quando ele estava nos corredores da Comic Con. Desde então, ele usa a fantasia sem se esconder e visita crianças doentes.

Superman mora em Brasília. Mas ele mesmo poderia ter ignorado se um dia não tivesse ido a São Paulo. As redes sociais fizeram o resto. Em 2022, o advogado brasileiro Leonardo Muylaert, 36, estava visitando a São Paulo Comic Con, grande missa dedicada à cultura dos quadrinhos, quando outro visitante o filmou com seu celular. “É Clark Kent que estou vendo aqui?”perguntou este último em seu vídeo, que rapidamente alcançou milhares de visualizações no TikTok.

Leonardo Muylaert nem tinha conta nas redes sociais e nunca se imaginou parecido com o jornalista de óculos capaz de se transformar no Superman. Poucas semanas depois, ele entendeu que havia se tornado o Superman brasileiro, devido à sua marcante semelhança com o americano Christopher Reeve, o ator mais famoso a ter interpretado o super-herói no cinema.

“Foi louco e engraçado ver que tantas pessoas pensaram que eu parecia o Superman”, confidenciou à AFP. Ele rapidamente entrou no jogo: encomendou online um terno azul com capa vermelha e começou a viajar pelo Brasil como Superman – tomando o cuidado de tirar os óculos. De 2,03 m de altura, esse colosso sorridente visita hospitais ou escolas, posa para fotos com curiosos nas ruas e tenta levar uma mensagem de esperança. Tudo sem pedir um centavo.

Ele já não hesita em aparecer nas redes: seu perfil intitulado “clark alto” (o grande Clark) no Instagram é seguido por mais de 115 mil pessoas. Um de seus vídeos foi compartilhado na rede social Guardiões da galáxia e o próximo filme da saga Super homen .

Da capa ao vestido

Leonardo Muylaert conta com sua parceira Helenise Santos, que administra sua agenda, filma seus vídeos e deve responder constantemente à pergunta: “Você é Lois Lane?” Em recente viagem ao Rio de Janeiro (sudeste), ele encantou os pacientes e a equipe médica do Instituto de Traumatologia e Ortopedia (Into), hospital público. “Sua presença traz um sorriso ao rosto de todos. Isso nos dá nova energia para enfrentar nosso cotidiano intenso”afirma o coordenador de pesquisa do Into, Rodrigo Cardoso.

READ  Brasil vai lançar concurso 5G em outubro

O advogado, que estudou nos Estados Unidos com bolsa para jogar basquete, distribuiu presentes para crianças hospitalizadas e posou para dezenas de selfies. Mas o futuro do Superman brasileiro permanece incerto, devido a obrigações profissionais muito prosaicas. Quando não está vestindo seu terno azul e vermelho, ele volta à vida de advogado especializado em direito civil. Seu papel de super-herói “preenche uma lacuna na rotina da vida no escritório, que às vezes é muito solitária”ele admite.

De terno e gravata em seu escritório na capital Brasília, óculos no nariz, ele se parece exatamente com Clark Kent em seu local de trabalho na cidade, a redação do Planeta diário. “Às vezes, quando ficamos horas imersos em papelada, esquecemos a importância das relações humanas (…). Comecei a ajudar as pessoas e o feedback é incrível, então isso me motiva a continuar”.

You May Also Like

About the Author: Hannah Sims

"Guru profissional do café. Jogador típico. Defensor do álcool. Fanático por bacon. Organizador."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *