Afeganistão: pelo menos 5 mortos e dezenas de feridos em um ataque

Cabul, Afeganistão | Pelo menos 5 mortos e dezenas de feridos foram levados para um hospital em Cabul após explosões no aeroporto da capital afegã, onde afegãos que desejam fugir de seu país estão sendo evacuados, de acordo com um fotógrafo da AFP.

O porta-voz do Pentágono, John Kirby, disse antes que duas explosões ocorreram perto do aeroporto, uma delas “como resultado de um ataque complexo que resultou em várias mortes e civis americanos”.

A Embaixada dos Estados Unidos pediu a todos os cidadãos americanos que se afastassem do aeroporto imediatamente. “Houve uma grande explosão no aeroporto e houve informações sobre troca de tiros”, acrescentou.

Em Londres, o Ministério da Defesa afirmou estar a tentar “estabelecer os factos e (…) o seu impacto nas evacuações em curso”. “Nossa principal preocupação continua sendo a segurança de nossa equipe, cidadãos britânicos e afegãos”, escreveu o departamento no Twitter.

Autoridades americanas e aliadas relataram nos últimos dias ameaças confiáveis ​​de ataques suicidas ao redor do aeroporto de Cabul, onde uma gigantesca ponte aérea foi organizada desde 14 de agosto.

Minutos antes da explosão, Kirby negou relatos de que as evacuações do Afeganistão poderiam terminar antes do esperado devido a ameaças. “Continuaremos a evacuar o maior número possível de pessoas até o final da missão”, escreveu ele no Twitter.

“As operações de evacuação em Cabul não terminarão dentro de 36 horas”, frisou.

Soldados americanos, garantindo o aeroporto da capital afegã, devem ter deixado o Afeganistão na terça-feira, prazo para a retirada total estabelecido e confirmado pelo presidente Joe Biden.

A retirada, que deveria ser concluída na época, teria que começar antes, complicando ainda mais a evacuação de estrangeiros e afegãos considerados em perigo desde que o Taleban tomou o poder em meados de agosto.

READ  Seis meses de prisão procurado por Nicolas Sarkozy

O ritmo de partida, que vinha se acelerando continuamente nos últimos dias, começou a desacelerar.

De acordo com um relatório da Casa Branca na quinta-feira de manhã, 13.400 pessoas foram evacuadas nas últimas 24 horas (5.100 em 17 aviões militares dos EUA e 8.300 dos 74 aviões da coalizão). Desde o início do transporte aéreo em 14 de agosto, os Estados Unidos ajudaram a evacuar cerca de 95.700 pessoas.

Vários países aliados dos Estados Unidos anunciaram o fim iminente de suas operações. Alguns, como o Canadá, já suspenderam as evacuações.

Mais detalhes virão …

You May Also Like

About the Author: Alec Robertson

"Nerd de cerveja. Fanático por comida. Estudioso de álcool. Praticante de TV. Escritor. Encrenqueiro. Cai muito."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *