Após sua queda, Lecomte continua no jogo

Em terceiro lugar no Brasil, Loana Lecomte, de Annecy, caiu um lugar na segunda fase da Copa do Mundo em Albstadt (Alemanha), terminando 1’51” atrás de McConnell, mas isso não é uma vantagem, apesar do fraco desempenho. Depois de cair e se aposentar na sexta-feira, Haut-Savoyarde teve que entrar na quarta fila do grid de largada e subir em todo o tráfego. Um cenário que descobri na Copa do Mundo, carregado de dores nas costas e sobras na sexta-feira.

“Eu sabia que ia aprender muito com esta corrida largando na quarta série e tentando voltar o mais rápido possível, com inteligência, para não me queimar desde o início”, explicou ela no final. , agora o quinto em geral. Lena Gerol, da Savoie, terminou em 13º a 4m13s atrás de McConnell.

O próximo encontro, no próximo final de semana (13 a 15 de maio), com a terceira fase da Copa do Mundo em Novi Mesto.

Luana Lecomte: “Não me arrependo. »

Luana Lecomte: “Foi um pouco difícil no início, foi melhor no final, mas estou feliz com este resultado depois de tudo o que aconteceu desde a noite de sexta-feira. […] Eu não necessariamente gostei porque eu estava com dor por toda parte. Eu estava com dor a corrida inteira. Eu não queria arriscar o ataque. Fiquei em 4º, 3º poderia ter sido possível, mas não me arrependo. »

READ  Primeira partida salarial pública no Brasil desde março de 2020

You May Also Like

About the Author: Winona Wheatly

"Analista. Criador. Fanático por zumbis. Viciado em viagens ávido. Especialista em cultura pop. Fã de álcool."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *