Black Friday: menos ofertas neste ano

A Black Friday, ou “Black Friday”, marca o início da época mais lucrativa do ano para a maioria dos operadores, diz o especialista em marketing Luke DuPont.

• Leia também: Black Friday: 3,6 milhões de transações antes do meio-dia no Canadá

• Leia também: Sexta-feira negra: cuidado com as armadilhas!

• Leia também: Black Friday: já com falta de ações em alguns lugares

Na verdade, a Black Friday dá início às compras de fim de ano para muitas pessoas.

Luke DuPont acredita, porém, que os descontos não serão tão grandes este ano quanto seus antecessores.

“Infelizmente, você provavelmente não terá tanto desconto este ano. Por quê? Se houvesse menos produtos e mais consumidores, eu poderia vender os produtos um pouco mais caro”, explica o especialista.

A atual escassez em todo o mundo significa que muitas mercadorias estão presas nos principais portos do mundo e não chegarão a tempo para o Natal.

“Estudos mostram que esta semana, e na segunda-feira especificamente, se você quiser comprar algo um pouco mais caro, é hoje. Se você quiser comprar itens mais baratos, a segunda-feira será mais”, explica Dupont.

* ouça a entrevista completa no vídeo acima *

READ  Um programa de 20 anos por trás do acidente do filtro viral de bate-papo

You May Also Like

About the Author: Alec Robertson

"Nerd de cerveja. Fanático por comida. Estudioso de álcool. Praticante de TV. Escritor. Encrenqueiro. Cai muito."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *