Brasil: Edina Alves Batista lidera a final da segunda mão do Brasileirão Feminino da Neoenergia

Alves BATISTA – crédito da foto: ícone do esporte

A volta à final do Brasileirão Feminino da Neoenergia enfrenta neste domingo, 26 de setembro de 2021, Corinthians e Palmeiras. Para liderar essa explicação, a Confederação Brasileira de Futebol escolheu a experiente Edina Alves Batista, de 41 anos.

Edina Alves Batista contará com a ajuda de assistentes como Neuza Inês Back e Fabrini Bevilaqua Costa. A videoconferência será utilizada durante a reunião, sob o comando de Daiana Caroline.

O segundo confronto entre Corinthians e Palmeiras está programado para começar às 21h, no Neo Química Arena. O jogo de ida desta partida sorriu para o Corinthians com o placar de 1 a 0. A única conquista foi o trabalho de Gabi Portilho.

A história registra Edina Alves Batista como a primeira árbitra a conduzir uma partida profissional masculina da FIFA. Ela também tem vários jogos da Série A brasileira em seu crédito e também tem várias competições da FIFA.

Composição da Câmara de Arbitragem Corinthians x Palmeiras

Árbitro: Edina Alves Batista (FIFA-SP)

Árbitro Assistente 1: Neuza Inês Back (FIFA-SP)

Auxiliar de árbitro 2: Fabrini Bevilaqua Costa (FIFA-SP)

4º árbitro: Adeli Mara Monteiro (FEM-SP)

5º árbitro: Marcela de Lima Silveira (FEM-SP)

VAR: Daiane Caroline Muniz dos Santos (FIFA-SP)

AVAR: Amanda Pinto Matías (CD-SP)

Observador VAR: Regildenia de Holanda Moura

READ  Ancelotti, a escolha certa para o Brasil? Resposta de Charles Hembert, ex-assistente da lenda Rogério Ceni e primeiro campeão francês do Brasil, convidado do After – 07/07

You May Also Like

About the Author: Hannah Sims

"Guru profissional do café. Jogador típico. Defensor do álcool. Fanático por bacon. Organizador."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *