Brasil: Governo Bolsonaro parabeniza Petro por sua eleição na Colômbia

O Ministério das Relações Exteriores do Brasil parabenizou Gustavo Petro (à esquerda) na terça-feira, dois dias após sua vitória presidencial na Colômbia, mas seu colega de extrema-direita Jair Bolsonaro ainda não transmitiu seus desejos.

• Leia também: Os parentes do novo presidente da Colômbia se exilaram em Montreal

• Leia também: Gustavo Petro eleito primeiro presidente de esquerda da história da Colômbia

“O governo parabeniza o senador Gustavo Petro por sua eleição como presidente da Colômbia”, diz um breve comunicado do ministério.

“Desejamos-lhe sucesso no exercício de suas funções e o governo brasileiro renova seu compromisso com o contínuo aprofundamento das relações bilaterais com a Colômbia, pelo bem-estar, prosperidade, democracia e liberdade de nossos povos”, continua o texto.

Gustavo Petro, 62, tornou-se o primeiro presidente de esquerda da Colômbia no domingo.

Ao contrário de outros altos dirigentes da região, que reagiram logo após o anúncio dos resultados, Jair Bolsonaro ainda não o parabenizou pela eleição.

Um de seus filhos, o deputado Eduardo Bolsonaro, postou no Twitter neste domingo um mapa da América do Sul com foice e martelo, símbolo do comunismo, sobre a Colômbia, além de Argentina, Chile, Bolívia, Peru e Venezuela, também governados pelo deixei.

“A responsabilidade do eleitor brasileiro só aumenta. Não só para o Brasil, mas para toda a região”, escreveu, em alusão à eleição presidencial de outubro, para a qual seu pai está em posição desfavorável nas pesquisas contra o ex-presidente de esquerda Luiz Inácio Lula da Silva.

READ  Brasil, Neymar: "Triste que esta geração não esteja interessada na Seleção"

You May Also Like

About the Author: Hannah Sims

"Guru profissional do café. Jogador típico. Defensor do álcool. Fanático por bacon. Organizador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *