Brasil privatiza proteção da Amazônia

O governo de Jair Bolsonaro no Brasil acaba de lançar um programa que oferece às empresas privadas o pagamento pela manutenção de áreas protegidas na Amazônia, revela Os ecos. Denominada “Adote um Parque”, esta operação visa proteger 15% da Amazônia graças a um financiamento privado de 650 milhões de euros por ano. Primeira empresa a se engajar nessa iniciativa, o grupo Carrefour se comprometeu a doar 600 mil euros para a proteção de 75 mil hectares no estado de Rondônia.

Por que isso é hipócrita. Embora a floresta amazônica tenha perdido 20% de sua superfície desde os anos 1970, a taxa de desmatamento, que havia diminuído na última década, aumentou 50% desde que Jair Bolsonaro chegou ao poder lá. dois anos. Entre agosto de 2019 e julho de 2020, 11.088 km2 de floresta, ou seja, a área da Suíça francófona, desapareceram. Diante do endurecimento do Ocidente, o governo de Jair Bolsonaro agora tenta endireitar sua imagem depois de desmantelar agências de conservação federais, como a polícia ambiental do Ibama. As ONGs de conservação da natureza veem a operação “Adote um Parque” como uma manobra de lavagem verde.

ligação

Leia o artigo em Os ecos

READ  Ainda hospitalizado, lenda do futebol brasileiro Mario Zagallo está melhor

You May Also Like

About the Author: Hannah Sims

"Guru profissional do café. Jogador típico. Defensor do álcool. Fanático por bacon. Organizador."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *