COVID-19 | Omicron varre a América do Sul e o Caribe

(Buenos Aires) A ​​onda Omicron está varrendo a América do Sul e o Caribe, região que dobrou seu número recorde de novos casos diários de COVID-19, segundo uma contagem da AFP feita a partir de relatórios oficiais fornecidos pelas autoridades. saúde.

Postado ontem às 16h15

Uma média de 304.000 casos diários foram detectados entre 7 e 13 de janeiro, quase o dobro do recorde estabelecido antes da onda atual (155.000 casos diários entre 28 de maio e 3 de junho de 2021).

As contaminações aumentaram 126% nos últimos 7 dias em comparação com a semana anterior.

A Argentina (45 milhões de habitantes), com outros 139.853 novos casos registrados na sexta-feira (6.932.972 no total), sozinha responde por quase metade das contaminações na região.

O Peru, país de 33 milhões de habitantes que tem a maior taxa de mortalidade do mundo em relação à sua população, está prestes a ultrapassar 2,5 milhões de casos.

As contaminações também estão disparando no Brasil, o país mais populoso, com 212 milhões de habitantes e o segundo mais enlutado do mundo, com mais de 620.000 mortes. Na quinta-feira, 97.986 casos foram registrados em apenas 24 horas, em comparação com 5.844 há duas semanas.

O número de mortes também está aumentando na América Latina e no Caribe, mas em um ritmo mais lento: 621 mortes diárias foram registradas entre 7 e 13 de janeiro na região, um aumento de 44% em relação à semana anterior.

Esse número é significativamente inferior ao recorde registrado para a semana de 6 a 12 de abril de 2021, com 5.548 óbitos diários.

READ  Vale corta topo da faixa de produção de minério de ferro de 2021

You May Also Like

About the Author: Hannah Sims

"Guru profissional do café. Jogador típico. Defensor do álcool. Fanático por bacon. Organizador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *