Marrocos eliminado em quartos pelo Brasil

O único feito do encontro foi marcado por Ricardo em cobrança de falta (11).

Durante essas quartas de final eletrizantes, os Leões do Atlas de Futsal enfrentaram os pentacampeões mundiais (1989, 1992, 1996, 2008 e 2012), que acharam extremamente difícil dobrar o jogo a seu favor. , em especial à excelente goleira marroquina Reda Khiyari, que foi uma barreira quase intransponível aos chutes brasileiros.

No segundo tempo, os marroquinos intensificaram os ataques para pegar o placar, mas encontraram uma defesa brasileira bem posicionada.

A Seleção, que assina sua terceira participação no mundial, após as edições Tailândia-2012 e Colômbia-2016, chega a esta fase da competição pela primeira vez em sua história. Em suas duas participações anteriores, ela havia sofrido seis derrotas.

Na Lituânia, os homens de Hicham Dguig mostraram uma cara totalmente nova e saíram de cabeça erguida. Puderam assim competir na fase de grupos com as grandes nações da disciplina, como Portugal (3-3), Tailândia (1-1) e Ilhas Salomão (6-0). e Venezuela (3-2) nas oitavas de final.

O Brasil, que venceu o Japão (4 a 2) na rodada anterior, participou de todas as edições da Copa do Mundo de Futsal, ao lado de Argentina e Espanha.

As outras quartas-de-final colocarão a Rússia contra a Argentina, a Espanha contra Portugal e o Irã contra o Cazaquistão.

READ  Brasil: plano de vacinação do governo criticado

You May Also Like

About the Author: Hannah Sims

"Guru profissional do café. Jogador típico. Defensor do álcool. Fanático por bacon. Organizador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *