Medalha de bronze escorrega dos dedos de jogadores de basquete canadenses

Os canadenses, que enfrentaram o Brasil após serem derrotados por Porto Rico nas semifinais, lutaram bem pela medalha de bronze, levando a partida para a segunda prorrogação, mas sem sucesso.

Com o empate por 77 a 77 no início do sexto período, Camila Silva abriu o placar dando a liderança ao Brasil, nunca mais atrás.

Erica de Sousa foi a mais produtiva de sua equipe, marcando 10 pontos e 10 rebotes para levar o Brasil, a 15ª equipe do mundo, à vitória.

Do lado canadense, Letícia Ameher concluiu seu torneio com mais uma boa atuação, marcando 22 pontos e 11 rebotes na derrota.

É uma grande competição, disse a treinadora Lisa Thomedis sobre sua jogadora de 19 anos. Ela é forte e adora competir. Você mostrou isso ao fazer esta cesta de três pontos que forçou a prorrogação.

Ela é muito pequena e não tem medo de nada. Ela não joga como alguém de sua idade. Estou muito feliz com seu desempenho neste torneio.

Citação do:Lisa Thomedes

Os dois se enfrentaram com a cortina levantada, com o Canadá vencendo por 71 a 67 para levantar seu recorde de 2 a 0 no início do torneio.

Ao terminar entre as quatro primeiras seleções da Copa América, o Canadá ainda assim terá o direito de participar das eliminatórias da Copa do Mundo, que ocorrerão em fevereiro de 2022.

Aprendemos muito nos últimos dias e o futuro parece promissorDisse Jimmy Scott que conseguiu nove pontos na esgrima. É claro que haverá as Olimpíadas neste verão, assim como a Copa do Mundo na Austrália.

Os Estados Unidos derrotaram Porto Rico por 74 a 59 na final.

READ  Hacking o site do regulador de saúde brasileiro na periferia do Brasil e da Argentina

You May Also Like

About the Author: Winona Wheatly

"Analista. Criador. Fanático por zumbis. Viciado em viagens ávido. Especialista em cultura pop. Fã de álcool."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *