Mulher brasileira tentou obter aprovação de empréstimo bancário de cadáver

Mulher brasileira tentou obter aprovação de empréstimo bancário de cadáver

Uma senhora teria tentado assinar um empréstimo em nome de um cadáver no Brasil.

Muito “Weekend at Bernie's” como uma história!

• Leia também: México: cadáveres de “extraterrestres” revelados ao Congresso

• Leia também: Ele se fingiu de morto por 321 dias no TikTok antes de conseguir um papel em CSI

A senhora em questão apareceu no banco com um indivíduo cadeirante. Os funcionários no local levantaram algumas questões ao descobrirem que a pessoa que tentava assinar o empréstimo parecia bastante pálida.

Uma das pessoas atrás do balcão perguntou por que ele não conseguia assinar os documentos sozinho, pois a senhora enfiou um lápis na mão do morto e o ajudou a fazer sua assinatura.

“Não acho que seja legal. Ele não parece bem. Ele está muito pálido.

Ao que ela teria respondido: “Ele é assim mesmo”, antes de se virar para o cadáver e dizer: “Se você não estiver bem, posso levá-lo ao hospital”. Você quer voltar para o hospital?

Foi quando os funcionários do banco chamaram a polícia e os paramédicos.

Os serviços de emergência confirmaram que a pessoa na cadeira de rodas estava de fato morta.

A mulher que o levou ao banco, Erika de Souza Vieira Nunes, foi presa no local e disse à polícia que era sua sobrinha e também sua cuidadora.

READ  Clube acredita que Messi se reunirá para jogar Argentina x Brasil

É uma história!

Veja também no Saco de Batatas Fritas:

You May Also Like

About the Author: Hannah Sims

"Guru profissional do café. Jogador típico. Defensor do álcool. Fanático por bacon. Organizador."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *