O novo presidente da FIA, Mohamed bin Sulayem, negou o envolvimento de Bernie Ecclestone

O novo presidente da FIA, Mohamed Ben Sulayem, negou a Bernie Ecclestone fazer parte de sua equipe – mesmo depois que sua esposa assumiu um papel de liderança em sua gestão.

Fabiana Ecclestone foi eleita vice-presidente de esportes para a América do Sul, mas Slim disse que foi sua experiência anterior de trabalho no Brasil que a tornou elegível para o cargo.

É também a primeira vez na história da FIA que uma mulher foi nomeada vice-presidente de esportes dentro da organização, e o novo presidente rejeitou qualquer dúvida de que essa decisão foi baseada em algo diferente de “direito a isso”.

Ele acrescentou que o ex-chefe da Fórmula 1 não participou da tomada de decisão, dizendo “não tem nada a ver comigo” quando questionado sobre a participação de Fabiana na corrida.

“É no passado que a FIA teve a primeira candidata mulher em nossa história”, disse Saleem, citando o Motorsport.com. “Não estamos falando de comitês, estamos falando do vice-presidente [of sport].

“Então, quando os abordei, não abordei por causa do nome dele, abordei por causa da credibilidade dele, e a seleção foi feita por mérito.

“Ela estava envolvida com mobilidade no clube brasileiro e estava envolvida na F1 Brasil, então ela tem a vertente esporte e mobilidade e foi membro de alguns comitês, então a experiência dela está aí.

– Você precisa convencê-la de que não tinha nada a ver comigo – disse Bernie. – Foi aí que a ajuda dele acabou, na verdade.

Ecclestone falou nas últimas semanas sobre como a temporada se desenrolou, incluindo a proposta de colocar Flavio Briatore no topo da Ferrari para que ele possa trazê-los de volta à frente.

Slim admitiu que a experiência de 91 anos pode ser inestimável para ele e para a FIA, dado há quanto tempo ele está envolvido na governança do esporte – mas ele deixou claro que a equipe que ele montou é qualificada o suficiente para ser capaz de correr. Coisas. para eles.

READ  O embate entre Neymar e Mina se intensificou, gesto provocativo do brasileiro (vídeo)

“Bernie é definitivamente uma referência na Fórmula 1, você sempre precisa de experiência e da sabedoria das pessoas”, disse o presidente da FIA, que substituiu Jean Todt neste fim de semana.

“Mas acho que temos uma boa equipe da FIA e uma boa Copa do Mundo [Motor Sport] Dicas que podemos consultar e pedir, e para ajudar a desenvolver o esporte da Fórmula 1. “

You May Also Like

About the Author: Winona Wheatly

"Analista. Criador. Fanático por zumbis. Viciado em viagens ávido. Especialista em cultura pop. Fã de álcool."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *