ohm | Mercato OM: Frank McCourt prevê vendas

ohm |  Mercato OM: Frank McCourt prevê vendas

Poucos dias antes de ir ao Brasil falar com Jorge Sampaoli em meados de junho, Pablo Longoria embarcou para os Estados Unidos acompanhado de Pedro Iriondo, seu fiel diretor de estratégia. No show: Um encontro planejado há muito tempo com Frank McCourt e seu guarda-costas próximo. O objetivo da reunião? Preparando o futuro da OM.

Durante as trocas, tratava-se sobretudo de equilibrar as contas. Depois de injetar enormes somas (falamos hoje cerca de 400 milhões de euros desde 2016) para reconstruir o céu e a Casa Branca e depois compensar as perdas, o americano não quis mais colocar a mão de volta na carteira.

Como Vincent Labron durante os últimos meses do reinado de Luis Dreyfus, o presidente espanhol deve, portanto, fortalecer a equipe com pedaços de barbante. A culpa é da desastrosa gestão económica do seu antecessor, antes de mais, mas também do status quo ao nível das vendas de jogadores que desafia o dono.

Depois de culpar Andoni Zubizarreta, que ainda assim vendeu Franck Anguesa ao Fulham por 30 milhões de euros, essa preparação agora pesa sobre Longoria e sua equipe. A volta de Luis Henrique ao Botafogo por empréstimo permitirá uma opção de compra semiautomática, na melhor das hipóteses, para recuperar os € 8 milhões que gastei para comprá-lo em 2020. Mas ainda estamos longe dos ganhos de capital esperados do clube. E do outro lado do Atlântico…

READ  Linhas de longa distância retornam a Munique

You May Also Like

About the Author: Opal Turner

"Totalmente ninja de mídia social. Introvertido. Criador. Fã de TV. Empreendedor premiado. Nerd da web. Leitor certificado."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *