Pelé voltou ao hospital para tratamento de tumor

A ex-lenda do futebol brasileiro Pelé voltou ao hospital para “continuar o tratamento” de um pólipo no cólon.

Na quarta-feira, o estabelecimento médico de São Paulo disse que a ex-lenda brasileira Pelé voltou ao hospital para “continuar o tratamento” de um pólipo no cólon, onde passou um mês em setembro.

O Hospital Albert Einstein indicou em seu boletim médico que o estado de saúde de Pelé, de 81 anos, estava “estável” e que ele deve receber alta “nos próximos dias”. E no final de setembro, o mesmo hospital indicou que o tricampeão mundial faria “quimioterapia” para tratar esse tumor descoberto durante exames de rotina. Após passar pela cirurgia no dia 4 de setembro, o brasileiro passou dez dias na unidade de terapia intensiva, retornando brevemente alguns dias depois devido a dificuldades respiratórias. Durante a noite, uma de suas filhas, Flavia, pediu aos fãs do Instagram de Pelé que “ficassem quietos”, garantindo-lhes que esta era “a última visita de Einstein do ano”.

“Obrigado pelo carinho de todos…”

Ela disse que seu pai estava passando por “tratamento, exames e quimioterapia”. Ela acrescentou: “Obrigada pelo amor de todos… meu pai é incrível”. Ao longo de sua internação, suas outras filhas, Kelly Nascimento, tranquilizaram os fãs com fotos e vídeos que mostram seu pai, ainda sorridente e cheio de humor apesar do aparente cansaço.

O próprio Pelé fez algumas postagens nas redes sociais recentemente, uma das quais parabenizou o argentino Lionel Messi por sua sétima Bola de Ouro na semana passada. Edson Arantes do Nascimento, cujo nome verdadeiro é, sofreu muitos problemas de saúde nos últimos anos, principalmente em 2019, quando foi levado para o hospital em Paris, e depois transferido para São Paulo devido a cálculos renais.

READ  Informação, opinião e entretenimento durante todo o verão na Rádio QUB

Qualquer clonagem é proibida

You May Also Like

About the Author: Echo Tenny

"Evangelista zumbi. Pensador. Criador ávido. Fanático pela internet premiado. Fanático incurável pela web."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *