Recorde histórico das exportações marroquinas para o Brasil

Recorde histórico das exportações marroquinas para o Brasil

Escrito por Khaled Atouta (mapa)

BRASÍLIA – As exportações marroquinas para o Brasil continuam batendo recordes desde 2016. Em 2021 atingiram o valor histórico de cerca de US $ 2 bilhões, demonstrando a aproximação com Rabat que vem sendo elogiada no mais alto nível na hierarquia política da primeira potência da América Latina.

Segundo dados do Ministério da Economia do Brasil, o Reino já exportou produtos que somam mais de 1,9 bilhão de dólares para a maior economia da América Latina, número recorde na cadeia histórica iniciada em 1997, quando as exportações marroquinas não ultrapassavam 50 milhões. dólares.

As exportações totais do Marrocos para o Brasil em 2021 representam um aumento de 70,29% em relação a 2020 (US $ 1,1 bilhão) e de 98,29% em relação a 2019 (mais de US $ 967 milhões).

Por setores, as exportações marroquinas permaneceram em primeiro lugar na lista de “fertilizantes” (cerca de 1,6 bilhões de dólares), “produtos químicos inorgânicos e compostos orgânicos e inorgânicos de metais preciosos” (170,5 milhões de dólares) e “sal, enxofre, gesso e cimento” ( 42,1 milhões de dólares). Dólar). , “Peixes, crustáceos, moluscos e outros invertebrados aquáticos” ($ 42 milhões), “Máquinas, equipamentos, materiais elétricos e suas partes” ($ 20 milhões) e “Roupas e acessórios de vestuário” ($ 19,7 milhões). Também estão incluídos na lista de trilhas “Aeronaves, espaçonaves e suas peças” (US $ 2,5 milhões) e “Automóveis, tratores, bicicletas e outros veículos terrestres, suas peças e acessórios” (US $ 2,2 milhões).

Com a nova conquista comercial, o Reino, primeiro exportador árabe para o Brasil depois da Arábia Saudita, ficou no mesmo patamar dos vizinhos Brasil e Colômbia, que é a quarta economia da América do Sul, e está indo melhor que o econômico potências como Austrália, Indonésia, Malásia ou mesmo África do Sul, é membro, como o Brasil, da organização BRICS.

READ  Homenagem a Pascal Maine - Kennel de Riken

O enorme aumento do comércio com o Brasil, do qual Marrocos importou mais de US $ 565,4 milhões em 2021, atesta as excelentes relações entre dois países influentes em sua região que tocam em muitos assuntos de interesse mútuo.

“O Marrocos é um parceiro estratégico do Brasil”, disse o presidente deste país sul-americano, Jair Bolsonaro, no final de 2020, que ao mesmo tempo saudou a “importante reaproximação política” entre os dois países.

O especialista brasileiro em geopolítica e relações internacionais, Marcos Vinicius de Freitas, explica a intensificação das relações comerciais entre Brasil e Marrocos, com um volume de câmbio de US $ 2,48 bilhões em 2021, com o caráter estratégico que representa o Reino para Brasília, que ele vê como um “país estratégico que cede vários mercados.”: Árabe e islâmico mas sobretudo em África, uma região que está a crescer e voltará a crescer num futuro próximo em termos económicos e demográficos. ”

Os números dos fluxos comerciais entre os dois países em 2021 mostram um superávit comercial a favor do Marrocos de US $ 1,35 bilhão, um aumento de 193,85% em relação a 2020 (quase US $ 460,3 milhões) e de 171,68% em relação a 2019 (cerca de US $ 498 milhões). .

Nesse contexto, é oportuno destacar que nas trocas globais com o estrangeiro, o Brasil encerrou 2021 com superávit na balança comercial de US $ 61 bilhões, um aumento de 21% em relação a 2020.

As exportações do reino para o país sul-americano continuam a crescer desde 2016 – o Brasil viveu uma recessão econômica entre 2014 e 2016 – quando caíram para menos de um bilhão em 2015, antes de retomarem com mais força do que em 2017 ($ 878 milhões), passando para $ 930 milhões em 2018.

READ  A nova joia dos Bianconeri já infectados!

Além do âmbito econômico, os dados das trocas econômicas entre o Marrocos e o Brasil confirmam a boa dinâmica observada nas relações de cooperação entre os dois países. Na opinião do Sr. de Freitas, pesquisador sênior do Centro de Pensamento Político do Novo Sul (PCNS), “Os números são uma excelente notícia. Resta agora dar continuidade a esse ímpeto e elevar as relações entre Rabat e Brasília a um nível mais estratégico e nível frutífero. “

As perspectivas levantadas pelo especialista brasileiro, acertadamente confirmadas pelo ministro das Relações Exteriores do Brasil, Carlos Alberto Franco Franca, apontavam “as grandes oportunidades para diversificar e fortalecer as relações comerciais entre os dois países. A cooperação entre Brasil e Marrocos pode ser mais complementar. “

O Sr. Carlos Franca acrescentou que o Marrocos “ocupa uma posição central no Norte da África como ponte com outros países e continentes”, destacando que “Marrocos e Brasil também podem se coordenar mais dentro das Nações Unidas e fóruns internacionais. O Brasil foi recentemente eleito não estado membro permanente do Conselho de Segurança da ONU (para o período de 2022-2023) e podemos coordenar posições com base em nossos valores compartilhados. ”

You May Also Like

About the Author: Opal Turner

"Totalmente ninja de mídia social. Introvertido. Criador. Fã de TV. Empreendedor premiado. Nerd da web. Leitor certificado."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *