Zidane e Ronaldo juntos no Brasil para jogar contra a pobreza

Zidane e Ronaldo juntos no Brasil para jogar contra a pobreza

O francês Zinedine Zidane e o brasileiro Ronaldo, eleitos o melhor jogador do mundo durante seu reinado, se reuniram com outras estrelas do futebol na décima edição do “Jogo Contra a Pobreza”, nesta quarta-feira, em Porto Alegre (Brasil).

Ambos os embaixadores do PNUD eram capitães de equipas formadas por amigos, jogadores de futebol reformados ou activos. A partida tem como objetivo arrecadar dinheiro e é arbitrada, como nas edições anteriores, pelo famoso ex-árbitro italiano Pierluigi Collina.

Zidane disse em conferência de imprensa: “Muitos países sofrem com a pobreza, e o facto de nos reunirmos aqui atesta o interesse que nós, com Ronaldo e os outros jogadores, temos nesta questão”.

“Isso também mostra que todos, todos no seu nível, podem fazer alguma coisa, e é isso que estamos tentando fazer. Mas então, obviamente, não vamos eliminar toda a injustiça do mundo.” Ele adicionou.

Zidane, que liderou a França na vitória da Copa do Mundo de 1998 sobre o Brasil (3 a 0), expressou sua felicidade “por jogar contra seu velho amigo em Porto Alegre”.

Ronaldo, o ex-rei dos goleadores notoriamente acima do peso que agora é a estrela de um reality show no Brasil onde segue uma dieta rigorosa para perder peso, respondeu com um sorriso: “Embora ele tenha sido nosso carrasco em 1998, em 2006 (a França venceu o Brasil 1 a 0 nas quartas de final da Copa do Mundo na Alemanha, nota do editor), o povo brasileiro gosta muito de Zidane, ele é muito admirado no Brasil.

As edições anteriores do Jogo Contra a Pobreza foram organizadas na Suíça, Espanha, Alemanha, França, Marrocos, Portugal e Grécia.

READ  Um raio de sol em sua vida, apesar da turbulência com Tina Konaki, a guia

You May Also Like

About the Author: Echo Tenny

"Evangelista zumbi. Pensador. Criador ávido. Fanático pela internet premiado. Fanático incurável pela web."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *