Bicentenário das relações diplomáticas entre França e Brasil em 2025 – Avenue des Portes Cartier – Saint-Malo, 35400

Bicentenário das relações diplomáticas entre França e Brasil em 2025 – Avenue des Portes Cartier – Saint-Malo, 35400

França e Brasil organizarão uma Temporada França-Brasil em 2025. Esta proposta insere-se num contexto de relançamento da relação bilateral, favorável ao desenvolvimento e retomada da cooperação no contexto da Cop30 no Brasil num calendário correspondente aos 10 anos do Acordo de Paris. A Temporada França-Brasil coincide com a celebração dos 200 anos de relações diplomáticas entre os dois países (26 de outubro de 1825). A Temporada centrar-se-á nas questões da transição climática e ecológica, da democracia e da globalização, mas também na diversidade das sociedades e no diálogo com África. Na preparação da Temporada, parceiros brasileiros e franceses (autoridades, instituições, operadores, programadores, produtores, etc.) já estão trabalhando juntos. Está sendo preparado um projeto de viagem cultural entre Cancale e São Luís no Brasil, patrimônio mundial da UNESCO, cidade fundada por La Ravardière, um explorador que partiu de Cancale. Está neste momento a ser constituída uma delegação, com vários dirigentes eleitos e dirigentes associativos da Costa Esmeralda que planeiam uma viagem de 28 de março a 4 de abril de 2024. O Professor António Noberto marcou recentemente um encontro com o Secretário de Estado da Cultura com o objetivo de envolvendo o Estado brasileiro ao lado da cidade de São Luís nesta acolhida. Da mesma forma, parte da viagem está prevista no Pará para discutir com representantes das prefeituras de Bragança e Cametá (região amazônica) e considerar as modalidades de trabalho em parceria. Uma conferência de carácter histórico realizou-se no dia 6 de maio de 2023 no Espace Bouvet (sala Robert Surcouf) em Saint-Malo, no âmbito das festividades da Maison de la Francophonie de Bretagne. Menos conhecido que o explorador de Saint-Malo Jacques Cartier que empreendeu a descoberta do Canadá, Daniel de La Touche, senhor de La Ravardière, partiu de Cancale em 1604 em direção ao Brasil para chegar às costas fundadoras de São Luís, hoje capital do estado federado de Maranhão, elo entre o oceano e a bacia amazônica. Esta conferência será organizada por representantes da Fundação Cultural Théophile Lognoné.

READ  Brasil. Disfarces de crocodilo para zombar dos comentários céticos sobre a vacina de Bolsonaro

Relate um erro, uma atualização, um abuso

You May Also Like

About the Author: Hannah Sims

"Guru profissional do café. Jogador típico. Defensor do álcool. Fanático por bacon. Organizador."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *