Brasil: A porta da história para as árbitras Edina Alves e Neuza Voltar

Publicado em : / Através Arnaud Bocco

A arbitragem feminina do Brasil está à beira da história, graças a duas juízas que vão liderar o encontro da Copa do Mundo de Clubes entre Ulsan Hyundai e Al Duhail.

Dois árbitros brasileiros são esperados esta noite durante o Ulsan Hyundai – Al Duhail frente a frente. Com os testes físicos bem-sucedidos, a árbitra central Edina Alves e a assistente Neuza Back estão bem posicionadas para abrir um novo capítulo bastante importante na história do futebol brasileiro. É também um trio exclusivamente feminino que, historicamente, liderará este encontro masculino, em uma competição da FIFA. O terceiro árbitro chama-se Mariana de Almeida e tem nacionalidade argentina. Já o quarto assistente se chama Abdelkader Zitouni e o reserva é H. Nicollas Gallo. Na vídeo-arbitragem, teremos o chileno Julio Bascunan.

Edina Alves aliás já havia participado de tal nível de competição, quando os Tigres mexicanos se debatiam com a mesma formação do Hyundai FC. Ela era a quarta árbitra na época, enquanto Neuza Back era assistente reserva.

Depois desta partida, segundo projeções da Fifa, a dupla também deve liderar o confronto semifinal entre Bayern de Munique e Al Ahly nesta segunda-feira.

READ  Brasil/covid: Número diário de casos aumenta mais de 700% em duas semanas

You May Also Like

About the Author: Hannah Sims

"Guru profissional do café. Jogador típico. Defensor do álcool. Fanático por bacon. Organizador."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *