Contra-ataque ucraniano após ataque de drone em Kiev

Contra-ataque ucraniano após ataque de drone em Kiev

A Rússia afirmou no domingo ter abatido drones ucranianos em três regiões russas, um dia depois de um grande ataque de drones por Moscovo à capital ucraniana, que Kiev apresentou como o maior desde o início do conflito em Fevereiro de 2022.

O Ministério da Defesa russo disse num comunicado: “A defesa aérea destruiu quatro drones ucranianos sobre as regiões de Bryansk, Smolensk e Tula”.

A Rússia disse no domingo que derrubou dois mísseis ucranianos que se dirigiam ao seu território sobre o Mar de Azov, horas depois de terem sido relatados ataques de drones ucranianos em três regiões russas.

Uma declaração do Ministério da Defesa russo dizia: “A defesa aérea russa encontrou e destruiu dois mísseis ucranianos sobre a região do Mar de Azov”.

No sábado, a Ucrânia acusou Moscovo de lançar 75 ataques de drones no seu território, a maioria deles em direção à capital, Kiev, e afirmou que abateu 71 deles.

Este ataque resultou no ferimento de cinco pessoas, segundo um relatório publicado pelas autoridades no sábado, e também fez com que dezenas de edifícios residenciais e edifícios ficassem privados de energia elétrica.

O atentado ocorreu no Dia da Memória do Holodomor na Ucrânia, a maior fome da década de 1930 que matou milhões de ucranianos, um “genocídio” orquestrado por Joseph Stalin, segundo Kiev.

READ  Shikani no mar tendo como pano de fundo o Brexit

You May Also Like

About the Author: Alec Robertson

"Nerd de cerveja. Fanático por comida. Estudioso de álcool. Praticante de TV. Escritor. Encrenqueiro. Cai muito."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *