Impressionada com a velocidade da canadense Charity Williams no início da luta, a brasileira Bianca Silva encontrou um jeito de se recuperar na corrida para enfrentar seu oponente … pegando-o pelas tranças!

Perigosa, a manobra poderia ter resultado no cartão vermelho para a pessoa em questão, apenas o árbitro mostrou-se clemente ao infligir um simples cartão amarelo a Orverde. O Canadá acabou vencendo com uma pontuação de 33-0.

Leia também: O quadro de medalhas nas Olimpíadas de Tóquio
Leia também: Todas as medalhas da França nas Olimpíadas de Tóquio

READ  Guardiola se considera técnico da América do Sul