Esportes C1: Paris espera ver a magia de Neymar novamente

PARIS – O mágico busca a suavidade de seu jogo: descartado, sábado, pelo retorno ao titular do Paris Saint-Germain, Neymar deve encontrar rapidamente seu melhor período na quarta-feira contra o Bayern de Munique pela Liga dos Campeões (19:00 GMT), sob a cobrança de pênalti. Um novo alvo de gangue.

Desta vez, um “bad bang” para o brasileiro. Descontraído nas redes sociais que regularmente alimenta com a sua incrível elusividade, neste fim de semana, “Ney” mostrou o outro lado da sua personalidade, menos consensual.

Fotos de sua briga com o jogador Lil ‘Thiago Gallo, que continuava nos corredores do Parc des Princes, o levaram de volta à beira do abismo.

“No túnel, ele me disse coisas que eu não gosto, até jogou um curativo no meu rosto. O Neymar deveria mostrar mais respeito”, respondeu o zagueiro ao diário esportivo português A Bola.

Depois dessa briga, Neymar postou no Instagram algumas linhas da Bíblia, segundo John. Seu treinador, Mauricio Pochettino, pareceu ainda mais constrangido ao encontrar as palavras na noite de sábado.

– Gerenciando emoções –

“Gerenciar emoções faz parte da vida. Gerenciar grandes coisas é atípico em relação aos últimos anos. Tudo mudou”, disse o técnico argentino, sem citar o nome do brasileiro.

O caso de Neymar deve ser examinado na tarde desta quarta-feira pela Comissão de Disciplina da Liga (LFP), enquanto o brasileiro estará na Allianz Arena, em Munique, para o que é considerado o jogo mais importante da temporada até agora.

“O que aconteceu é passado. Aprendemos com os nossos erros. Hoje o Neymar está muito animado. Temos um grande jogo e precisamos de alguns grandes jogadores”, disse o Capitão Marquinhos.

READ  Neymar saúda a torcida parisiense no Brasil e conta com ela na cara de Leipzig

O resultado parisiense depende muito do estado da forma de ‘Ney’. Em 2020/21, a medição de temperatura de um jogador é suficiente para entender o desempenho do PSG.

Em setembro, ele mostrou seu cartão vermelho contra o Marselha, em uma partida marcada por acusações cruzadas de racismo e homofobia, o início fracassado de uma temporada especial de preparação de verão após a “Oitava Final”.

Depois, no outono, o N.10 reagiu com excelentes desempenhos, especialmente na Liga dos Campeões, ao marcar seis gols na segunda mão, incluindo dois em Old Trafford, na vitória sobre o Manchester United (3-1).

Mas o início de 2021 descarrilou o brasileiro e com ele uma equipe que sofre de irregularidade crônica.

E os ferimentos (o tornozelo em dezembro, o rodízio em fevereiro) o privaram de ritmo e competição. Desde setembro, ele perdeu mais de (23) partidas (20) disputadas.

Retornando à primavera após dois meses de ausência, Neymar inicia um novo ciclo. Mas contra o Lille, o competidor direto pelo título, em seu primeiro período, seu desempenho e postura decepcionantes contribuíram para a derrota do Paris Saint-Germain (1-0).

Ele estará pronto para influenciar o Bayern na primeira mão? Fisicamente, a folga internacional permitiu-lhe, sem briga com o Brasil, aperfeiçoar a sua forma.

– ‘Um competidor’ –

Na cabeça, Neymar nunca escondeu o apelo à Liga dos Campeões, competição que venceu com o Barcelona em 2015.

Ele chegou muito perto de seu sonho de vencer com o Paris Saint-Germain em agosto passado, mas o Bayern de Munique, na final, foi mais forte (1-0) em uma partida que o viu morrer aos poucos.

“Tentamos de tudo”, admitiu o atacante, que terminou em lágrimas.

Mais terá de ser feito no gramado da Allianz Arena, pois Paris, sem Marco Verratti no centro, espera muito disso.

READ  Barrett, hot red knicks stop Hawks to overtake .500

“Ele é um jogador muito emocional, adora jogar e lutar, é muito competitivo. Ele sabe se controlar”, disse Pochettino na terça-feira.

À medida que as negociações continuam para prorrogar seu contrato, que expira em 2022, Neymar só precisa de um aceno de varinha mágica para apagar as suspeitas decorrentes de suas mudanças de humor e lesões.

You May Also Like

About the Author: Winona Wheatly

"Analista. Criador. Fanático por zumbis. Viciado em viagens ávido. Especialista em cultura pop. Fã de álcool."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *