John Textor vai ver Fabio Grosso e volta a falar de Juninho

John Textor vai ver Fabio Grosso e volta a falar de Juninho

Em entrevista à RMC Sport, transmitida pela Rothen Signe, o presidente do OL, John Textor, falou nesta terça-feira, após sua aparição perante o DNCG. Neste aspecto, parecia um tanto otimista enquanto aguardava a decisão da autoridade. “Gostei da reunião. Fomos bons com os números. (…) Todos sabem o que fizemos com as vendas de jogadores. Também enviámos números muito bons para o refinanciamento da dívida. (…) Quanto ao processo perante a DNCG, é novidade para mim.”

“As restrições que foram postas em prática no verão passado aplicam-se durante toda a temporada. É incomum que eles levantem essas sanções, mas é isso que lhes pedimos”, observou o líder do Lyon. “Gostaríamos de investir de forma inteligente, mas significativa durante a próxima janela de transferências. (…) O progresso que fizemos é impressionante. Especialmente trabalhando na dívida. Hoje temos liquidez. O que é muito bom. Esperamos que eles reconheçam isso.”

Também regressou ao estatuto de treinador, enquanto o Lyon continua no último lugar da Liga francesa e perdeu no domingo com o Lille (0-2). Basta colocar em dúvida o técnico Fabio Grosso, cujas mudanças e escolhas podem ter pegado alguns de surpresa e que parece não ter encontrado a solução certa? Na verdade não, de acordo com Textor, que simplesmente disse: “Gostei muito. Falarei com ele esta semana para resolver nossos problemas em relação ao nosso desempenho. Veremos”.

“Os melhores dias de Juninho no Lyon ainda estão por vir”

O dono americano do Lyon, Juninho, cujo nome foi amplamente divulgado para retornar ao Lyon, após o término precipitado de sua frustrante experiência como diretor esportivo, também foi mencionado como conselheiro especial, em uma função um tanto semelhante à desempenhada por outro ex-grande jogador, Bernard Lacombe, junto com… Jean-Michel Aulas. Mas com tarefas que o levaram a dividir seu tempo entre o Brasil, onde Textor é dono do Botafogo, e o Lyon.

READ  Max Verstappen, um pouco nervoso, conquista 17ª vitória da temporada no Brasil

“Não há cenário em que ele retorne fisicamente integralmente ao Lyon. Ele ama sua vida no Brasil com sua família. Acho que ele intervirá novamente e será útil. “Mas não pedi a ele que voltasse para a França”, disse Textor. Sabe, se a sua vida é no Rio, você fica no Rio. Eu realmente acredito que ele tem OL em seu coração. Ele claramente quer ajudar e eu agradeço isso. “Seus melhores dias no Lyon ainda estão por vir.”

You May Also Like

About the Author: Winona Wheatly

"Analista. Criador. Fanático por zumbis. Viciado em viagens ávido. Especialista em cultura pop. Fã de álcool."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *