Luna Goes, cantora brasileira radicada em Gers, lançou seu primeiro álbum e é uma verdadeira jornada musical

Luna Goes, cantora brasileira radicada em Gers, lançou seu primeiro álbum e é uma verdadeira jornada musical

Básico
Com “Dolce Pupilo”, o contratenor brasileiro leva os amantes da música numa viagem musical de Nápoles a Veneza, passando por Roma.

Avistado no Rio de Janeiro por Daniel Perotti e Bertrand Lazerme, fabricantes de órgãos em Plaisance, Luan Joyce escolheu a cidade de Gers como sua casa. Há dois anos, ele imaginou gravar seu primeiro disco com sua banda barroca às margens do rio Arous. Os ensaios foram então realizados em Plaisance e Souvettere, onde a acústica pura da igreja se prestou maravilhosamente ao projeto.

Durante o verão de 2022, o armário foi convertido em estúdio de gravação, com a presença do gravador de som Etienne Collard. Depois aconteceram concertos inesquecíveis em Plaisance, Sofitaire e Vic Bigorre.

Leia também:
Gers: Counter Luan Goes prepara álbum de estreia e busca apoio

Hoje o sonho se tornou realidade, pois o primeiro disco editado pela Calliope será lançado no início do ano. A banda barroca desenvolve um som luminoso, realçado pelas vozes de Luann Joyce e da cantora italiana Sonia Brina nesta luminosa jornada musical.

Plaisance-du-Gers tem o orgulho de oferecer este disco para pré-visualização, que pode ser obtido na loja Villanova, rue de l’Adour, no bar Ripa-Alta, ou enviando um e-mail para asso.ocmva@gmail.com.

Luann continua a sua ascensão fenomenal, desde que a violoncelista barroca Ophélie Gaillard o convidou para cantar no seu último disco “Napoli”. Bravíssimo!

READ  Entre um cachorro e um lobo La Comédie de Genève Genebra Quinta-feira, 30 de setembro de 2021

You May Also Like

About the Author: Echo Tenny

"Evangelista zumbi. Pensador. Criador ávido. Fanático pela internet premiado. Fanático incurável pela web."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *