Olimpíadas de 2024: Brasil, bicampeão masculino, não participará dos Jogos de Paris

Olimpíadas de 2024: Brasil, bicampeão masculino, não participará dos Jogos de Paris

A Argentina, sob a liderança do técnico Javier Mascherano, disputará, graças ao gol de Luciano Jundo, o torneio olímpico masculino, que já venceu em 2004 e 2008.

Já a segunda carta sul-americana será distribuída ou para o Paraguai, que só precisa do empate, ou para a Venezuela, para quem a vitória é inevitável. As duas equipes se enfrentam ainda neste domingo, também em Caracas.

A decepção é enorme para o brasileiro Indrik (17), que só precisava de um empate contra a principal rival, a Argentina, para tentar conquistar o terceiro título olímpico consecutivo entre os homens neste verão, na França.

Mas é a Argentina que terá a oportunidade de reviver as boas lembranças das medalhas de ouro de 2004 com o atacante Carlos Tevez e o técnico Marcelo Bielsa, e de 2008 com Lionel Messi.

Brasil, Argentina, Paraguai e Venezuela chegaram à fase final das eliminatórias olímpicas sul-americanas, um grupo de quatro em que cada seleção enfrenta seu adversário uma vez, com as duas primeiras equipes se classificando para Paris.

Nos jogos, as escolhas dos jogadores menores de 23 anos podem ser ampliadas com três itens fora do limite de idade.

READ  Ancelotti, o Brasil não tem dúvidas

You May Also Like

About the Author: Winona Wheatly

"Analista. Criador. Fanático por zumbis. Viciado em viagens ávido. Especialista em cultura pop. Fã de álcool."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *