Os brasileiros esperam uma “Seleção” de 6 estrelas – rts.ch

Os brasileiros esperam uma “Seleção” de 6 estrelas – rts.ch

O Brasil de Neymar, trazido de volta à briga por Luiz Felipe Scolari, está rejuvenescido seis meses antes da Copa do Mundo e pronto para partir para conquistar sua sexta estrela. O sorteio dos grupos será transmitido para 193 países na sexta-feira, na Costa do Sauípe, a partir das 17h. Ao vivo no canal RTS Deux.

Para 200 milhões de brasileiros, os herdeiros de Pelé, Zico e Ronaldo estão mais fadados do que nunca a vencer na “terra do futebol”. Depois de um período difícil sob o comando de Menezes, o desempenho da Seleção melhorou muito desde a volta do técnico Luiz Felipe Scolari, como mostram as últimas vitórias amistosas no outono: 5 a 0 contra as fracas Honduras, 2 a 1 contra o espinhoso Chile.

Neste momento, tenho a minha equipa. Mas continuo monitorando os jogadores. Ainda não completei minha lista de 23.“Felipão comentou após a vitória sobre o Chile.

Sob a liderança de “Filipo” (foto), “o time melhorou”, segundo Rei Pelé. [KEYSTONE – Marcelo Sayao]

O técnico brasileiro deve anunciar sua escolha no dia 7 de maio.

Scolari está em busca de dupla

Nesta ocasião, a “Auriverde” lançará uma nova camisa amarela e verde, deliberadamente “vintage”, apenas para relembrar à geração 2014 o passado glorioso dos mais velhos. “Muito bom (…), mas seria necessário acrescentar uma sexta estrela“, brincou Scolari durante a apresentação oficial da camisa há poucos dias no Rio de Janeiro. O Brasil é o único país que já conquistou a Copa Ouro cinco vezes: 1958, 1962, 1970, 1994 e 2002.

A última vez (Japão-Coreia do Sul) foi sob a liderança do mágico Scolari. O homem que levou Portugal à final do Campeonato Europeu de 2004 assumiu no final de 2012 a liderança da renovada Seleção, em meio a dúvidas e sem estilo de jogo, então sobrecarregado por dois anos de amistosos medíocres. O jogador de 65 anos tem um registo forte desde o seu regresso: 15 vitórias, quatro empates e duas derrotas, marcando 49 golos e sofrendo 15.

READ  Me Bamba Cheick Daniel PCA nomeado para o Palácio de Taekwondo

África e Ásia transmitem os seus valores inegáveis

Juntamente com Camarões, Costa do Marfim, Gana, Nigéria e Argélia, África será representada no Mundial de 2014 pelas cinco seleções que já estiveram presentes na edição anterior, na África do Sul. Com apenas duas inscrições, Costa do Marfim e Gana são as equipas africanas menos experientes na corrida. Mas a sua regularidade a nível global (2006 e 2010) continua a ser um indicador do seu valor.

A Ásia também estará representada pelos principais atores da fase final: Coreia do Sul, Japão e Austrália, que já estiveram presentes nas duas edições anteriores. O Irã, que perderá o torneio de 2010, participará da Copa do Mundo pela quarta vez.

>> Leia também: A loteria decidida antes da loteria

AFP/BARO

You May Also Like

About the Author: Winona Wheatly

"Analista. Criador. Fanático por zumbis. Viciado em viagens ávido. Especialista em cultura pop. Fã de álcool."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *