Argentina junta-se a Messi com Neymar liderado por Neymar na final dos sonhos

Argentina junta-se a Messi com Neymar liderado por Neymar na final dos sonhos

A Argentina conseguiu vencer a Colômbia na terça-feira, graças ao campeão Emiliano Martinez nos pênaltis e na assistência de Messi. A Albiceleste chega ao Brasil, que se classificou após vencer o Peru. Assim, a Copa América cumprirá sua final de sonho entre Brasil e Argentina no sábado.

A tão esperada final entre Brasil e Argentina será no sábado, 10 de julho. Os argentinos se juntaram aos brasileiros depois de vencerem a disputa de pênaltis contra a Colômbia nas semifinais.

Duas estrelas para um corte de cabelo

A grande final da Copa América será, na noite de sábado, no lendário estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, sobretudo um duelo recheado de estrelas entre Messi e Neymar, Seus ex-companheiros do FC Barcelona. As duas estrelas ainda estão atrás de um grande título nacional: uma lesão no tornozelo, Neymar não esteve envolvido na conquista do nono título do Brasil na final do torneio. A última edição é em 2019, contra o Peru, no Maracanã.

E o atacante parisiense declarou todo sorrisos no final da partida contra o Peru: “Quero (enfrentar) a Argentina, estou com eles porque tenho amigos nesta equipe, mas é o Brasil que vai vencer a final”.

a Brasil marcou encontro com a Argentina após a classificação contra o Peru (1-0)Graças ao gol de Leonis Paquetá após o drible de Neymar.

O fim da fome para Messi e Argentina?

Para o hexagonal Bola de Ouro da Argentina, a final será uma oportunidade para quebrar a maldição após perder quatro competições nesta fase (Copa do Mundo 2014, Copa América 2007, 2015 e 2016) e acabar com uma raridade sem fim em seu país, que tem não ganhou um título desde a Copa América de 1993.

READ  Quando os jogadores de futebol se esforçam para ganhar o Oscar de Melhor Ator

Sangrando no tornozelo após um desarme de Fabra, Lionel Messi não igualou o recorde de Pelé de 77 gols, artilheiro da América do Sul, nas semifinais, mas ainda deu sua quinta assistência em seis partidas no torneio.

Na verdade, foi ele quem devolveu o centro para Lautaro Martinez, que permitiu que a Argentina tomasse a iniciativa no início da partida (7). No entanto, a Colômbia teve dificuldades para garantir a prorrogação graças a um gol de Luis Diaz (60). Na disputa de pênaltis, Lionel Messi não hesitou em marcar pênalti, enquanto o goleiro Emiliano Martinez cuidou da classificação dos argentinos, parando três chutes a gol.

Sem clube desde o recente fim de seu contrato com o FC Barcelona, ​​Lionel Messi e seus companheiros veem uma nova oportunidade de vencer a competição e, assim, quebrar a maldição da derrota da Albiceleste.

Este clássico jogo de futebol sul-americano reunirá duas superestrelas de classe mundial, ex-companheiros e amigos do Barcelona, ​​para a chance de ganhar seu primeiro título de escolha. Um autocolante que o fará sonhar, mas este o decepcionará inevitavelmente.

You May Also Like

About the Author: Echo Tenny

"Evangelista zumbi. Pensador. Criador ávido. Fanático pela internet premiado. Fanático incurável pela web."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *