Brasil: O Hulk, um retorno inesperado

Como o herói da franquia Marvel, o Hulk é uma espécie de imortal. Globalmente, ele está fora do radar desde que deixou o Zenit Saint Petersburg rumo à China em julho de 2016, e o brasileiro voltou a falar dele recentemente. De regresso ao seu país no início de 2021, Givanildo Vieira de Sousa, com a sua verdadeira identidade, pretende encerrar a sua carreira em grande estilo. No final do contrato com o Shanghai SIPG, o jogador que trabalhava no FC Porto em particular tinha assinado em Janeiro passado com o Atlético Mineiro, que foi treinado por Jorge Sampaoli. Fora de casa desde 2005, o jogador de 35 anos provou que ainda está à altura, marcando 19 gols e proporcionando 11 assistências em 42 partidas nesta temporada.

O Hulk se beneficia de muitas ausências

Com contrato até dezembro de 2022, o campina Grande pode ter pensado em viver um fim pacífico no Brasil. Mas, este último aproveitou o fato de que alguns clubes europeus, principalmente ingleses, não liberam seus jogadores, como Roberto Firmino (Liverpool), Gabriel Jesus (Manchester City), Ravenha (Leeds) e Richarlison (Everton), para voltar com ele. Seleção, é ele que não é convocado desde junho de 2016. Hulk foi convocado em particular com Marseille Gerson, então Hulk foi convocado por Tite para aquele rali em setembro. Infelizmente para ele, ainda não conseguiu tirar a camisa brasileira durante a partida. Culpe os eventos adversos.

Um retorno misto à estrutura?

Permaneceu no banco durante a curta mas preciosa vitória de sua família no Chile em 3 de setembro (0-1), o nº 20 Auriverde logicamente não participou do improvável confronto contra a Argentina, parando logo após o golpe por motivos de coronavírus, poucos dias mais tarde. Agora, embora ele não tenha certeza de sua escolha novamente mais tarde, é lógico que esperamos ter tempo para este jogo hoje à noite contra o Peru (2:30, beIN SPORTS 1). Percebendo que não representa o futuro da escolha aos 35 anos, talvez o Hulk pudesse honrar a quadragésima nona e última escolha se fosse convocado por Tite no Maracanã. A história seria legal de qualquer maneira.

READ  De Paul responde à provocação dos brasileiros, e Richarlison responde - Marseille News

Brasil sai na extrema contra o Chile:

You May Also Like

About the Author: Winona Wheatly

"Analista. Criador. Fanático por zumbis. Viciado em viagens ávido. Especialista em cultura pop. Fã de álcool."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *