[EN IMAGES] Nove restos de Neandertais foram encontrados na caverna

O Ministério da Cultura da Itália anunciou hoje, sábado, a descoberta dos restos mortais de nove neandertais na gruta Guattari, em San Felice Cercio, na costa entre Roma e Nápoles.

“É uma descoberta extraordinária que acontecerá em todo o mundo”, disse o ministro da Cultura, Dario Franceschini.

“Se levarmos em conta as outras duas pessoas que realmente foram descobertas no mesmo local, temos um total de onze indivíduos, o que confirma que este é um dos locais mais importantes do mundo para a história do Neandertal”, argumentou.

Oito deles têm entre 50.000 e 68.000 anos, e o mais velho deles pode ter 90.000 ou mesmo 100.000 anos, de acordo com a declaração do ministério.

Para o responsável pelos fósseis, Francesco de Mario, esses indivíduos representam um grupo de neandertais que devem ter sido muito numerosos nesta região.

“Os Neandertais representam uma etapa fundamental no desenvolvimento da humanidade, representando o pináculo de uma espécie e a primeira verdadeira comunidade humana”, disse Marion Roubini, Diretora do Serviço Regional de Antropologia.

Essa descoberta, diz ele, é “uma melhor compreensão da história da colonização na Itália”. Essas escavações começaram em outubro de 2019.

Em escavações recentes, milhares de ossos de animais foram encontrados, incluindo elefantes, rinocerontes, veados gigantes, cavalos selvagens e ursos.

A caverna de Guattari foi descoberta por acaso em fevereiro de 1939. O antropólogo Albert Carlo Planck descobriu um crânio de Neandertal perfeitamente preservado logo depois.

READ  Plano de estímulo de Joe Biden | Manifestantes seguiram o senador Sinema até o banheiro

You May Also Like

About the Author: Alec Robertson

"Nerd de cerveja. Fanático por comida. Estudioso de álcool. Praticante de TV. Escritor. Encrenqueiro. Cai muito."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *