O Ibovespa Futuro tem leve alta acompanhando o exterior, apesar da tensão com o coronavírus e das conversas sobre Trump; dólar recua

(Shutterstock)

SÃO PAULO – O futuro Ibovespa inicia o último pregão da semana de natal acompanhando o clima externo, com ligeiros ganhos apesar dos temores dos investidores quanto ao aumento dos casos de coronavírus, bem como dúvidas sobre a aprovação de acordo comercial pós-Brexit entre Reino Unido e União Europeia e também com as críticas do presidente Donald Trump ao pacote de estímulo aprovado no Congresso dos Estados Unidos.

Ontem, o principal negociador da União Europeia, Michel Barnier, que trabalha no acordo pós-Brexit, disse que o bloco está fazendo um “esforço final” para chegar a um resultado. Mas ainda existem divergências sobre o tema da pesca.

Atualmente, mais de 60% da pesca nas águas britânicas é realizada por embarcações estrangeiras, pois as embarcações da União Europeia têm acesso às águas dos países membros. Isso continua a ser verdade para as águas britânicas pelo menos até o final do ano, mas o Reino Unido quer limitar esse acesso.

Nos EUA, o presidente Donald Trump pediu mudanças no projeto de lei para o pacote de estímulo de US $ 900 bilhões. Ele chamou a medida de uma “desgraça” inadequada e pediu aos legisladores que façam mudanças, incluindo pagamentos mais generosos aos americanos.

Entre as mudanças solicitadas, o dirigente da Casa Branca pede que o valor do pagamento direto aos americanos seja aumentado dos atuais US $ 600 para US $ 2.000. “Também peço ao Congresso que remova itens desnecessários desta legislação e me envie uma lei apropriada”, ele pediu.

Às 09h08 (horário de Brasília), o índice futuro para fevereiro de 2021 era de 0,27%, a 117.370 pontos.

Enquanto isso, o dólar comercial caiu 0,49% para R $ 5,1360 na compra e para R $ 5,1365 na venda. O dólar futuro com vencimento em janeiro de 2021 registrou queda de 0,39%, para R $ 5,136.

No mercado de juros futuro, o DI de janeiro de 2022 cai três pontos base a 2,86%, o DI de janeiro de 2023 cai quatro pontos base a 4,26%, o DI de janeiro de 2025 cai cinco pontos base a 5,81% e o DI de janeiro cai 2027 registrou variação negativa de cinco pontos base em 6,61%.

No Brasil, o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Arnaldo Medeiros, explicou que o Ministério da Saúde está negociando com o Instituto Butantan a ampliação do contrato de aquisição do CoronaVac para 100 milhões de doses, a serem entregues no primeiro semestre de 2021. Segundo para o secretário, o contrato com o Butantan está praticamente fechado.

Na política, o líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (PP-PR), disse nesta terça-feira que a agenda prioritária para 2021 envolve os temas de reorganização do Estado e das contas públicas.

Entre as propostas citadas pelo dirigente como essenciais estão as reformas tributária e administrativa, a PEC emergencial e a autonomia do Banco Central, e o pacto federativo, além das privatizações. Ele também repetiu o que afirma ser o mantra do presidente Jair Bolsonaro (sem partido): “Não há aumento da carga tributária, não há quebra de teto e não há prorrogação do orçamento de guerra”.

Agenda de Indicadores

O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) avançou 1,21% na terceira quadrissemana de dezembro, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV). O resultado representa uma desaceleração em relação à segunda leitura do mês, quando o índice havia subido 1,41%. Com isso, o índice acumula alta de 5,32% nos últimos 12 meses.

Seis das oito classes de despesas que compõem o IPC-S tiveram redução nas alíquotas. A maior contribuição para o resultado dessa leitura veio do grupo Educação, Leitura e Recreação (4,78% para 2,19%), sob a influência importante do item passagem aérea, que passou de 28,45% para 9,62%.

As principais influências de alta no IPC-S da terceira quadrissemana de dezembro vieram de tarifa de energia elétrica residencial, passagem aérea, gasolina, condomínio residencial (1,63% para 2,07%) e curso superior (1,23% para 2,26%). Por outro lado, ajudaram a conter a aceleração do índice do tomate (-3,01% para -13,86%), transporte por aplicação (-1,57% para -2,61%), limão (-27,20% para -19,84%), manga (-11,75% a -9,68%) e protetores da pele (-1,02% a -1,43%).

Às 10h30, os dados sobre pedidos de seguro-desemprego nos Estados Unidos para dezembro são divulgados. Paralelamente, são divulgados dados sobre encomendas, encomendas e fretes de bens de capital no país referentes a novembro. Ao mesmo tempo, dados sobre renda e despesas pessoais nos Estados Unidos são divulgados em novembro. Também às 10h30 é lançado o deflator principal DCP, relativo a novembro nos Estados Unidos.

Às 11 horas, o FHFA, índice de preços de casas nos Estados Unidos, para outubro é divulgado. Às 12 horas, a Universidade de Michigan divulga seus índices de Condições Atuais, Sentimento, Expectativas e Inflação para dezembro nos Estados Unidos. Também ao meio-dia, são divulgados os dados sobre as vendas de casas novas nos Estados Unidos.

A partir das 12h, a Receita Federal divulga os dados da arrecadação de impostos federais do mês de novembro.

Às 22h, são divulgados os dados do Swift (sigla em inglês para Society for Global Interbank Telecommunication) sobre pagamentos globais em moeda chinesa, para novembro.

Pandemia, vacinação e restrições no Brasil

O consórcio de veículos de imprensa que sistematiza dados sobre a Covid coletados pelas secretarias estaduais de saúde do Brasil anunciou, às 20h desta terça-feira, o avanço da pandemia em 24 horas no país.

A média móvel de casos novos no Brasil nos sete dias encerrados nesta terça-feira foi de 49.395 diagnósticos, um recorde desde que o consórcio começou a sistematizar os dados no início de junho, e um aumento de 18% em relação a 14 dias antes. Em apenas 24 horas, foram confirmados 55.799 casos.

A média móvel de sete dias de mortes foi de 776, o valor mais alto desde 17 de setembro, quando foi registrada uma média de 779 mortes. Houve 21% mais casos do que a média de 14 dias antes. Em apenas 24 horas, foram registradas 963 mortes.

O Instituto Butantan deve apresentar os dados do CoronaVac da terceira fase de testes às 16h desta quarta-feira, produto desenvolvido pelo laboratório chinês Sinovac que é testado no Brasil e será produzido localmente pelo instituto a partir de insumos importados. O Butantan também pretende fazer pedidos à Anvisa para uso emergencial do imunizante nesta quarta-feira, bem como para registro definitivo. O imunizante deve ser usado para imunizar a população de São Paulo e foi incluído pelo governo federal no Plano Nacional de Imunizações.

Além disso, nesta terça-feira, a presidente da Fiocruz, Nísia Trindade Lima, disse à comissão externa da Câmara dos Deputados sobre as ações contra a Covid que a fundação espera receber em janeiro o princípio ativo do imunizante desenvolvido pela parceria entre AstraZeneca e Oxford Universidade, e começar a distribuir doses de vacina em fevereiro.

“Esse é o nosso cronograma de entrega, a partir desta semana de fevereiro, de 8 a 12, estaremos entregando um milhão de doses de vacinas ao PNI (Programa Nacional de Vacinação)”, disse Trindade. A vacina é uma das principais apostas do governo federal para imunizar a população brasileira.

Nesta terça-feira, o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Arnaldo Medeiros, disse que o Brasil deve receber 150 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 no primeiro semestre de 2021, acrescentando os imunizantes Pfizer / BioNTech, Sinovac / Butantan e AstraZeneca / Fiocruz.

Além disso, o secretário detalhou que o Ministério da Saúde está negociando com o Instituto Butantan a ampliação do contrato de aquisição do CoronaVac para 100 milhões de doses, a serem entregues no primeiro semestre de 2021. Segundo o secretário, o contrato com o Butantan está praticamente fechado.

Na semana passada, o Ministério da Saúde apresentou o Plano Nacional de Imunizações. Na ocasião, o ministro da pasta, general Eduardo Pazuello, anunciou que as primeiras entregas devem ocorrer em janeiro, com uma quantidade de 24,5 milhões de doses juntas dos três laboratórios no mês.

A Anvisa anunciou nesta terça-feira que está monitorando a chegada de voos do Reino Unido aos aeroportos de Guarulhos, em São Paulo, e do Galeão, no Rio de Janeiro, após o surgimento de uma nova variante do coronavírus em solo britânico que mostrou mais transmissível.

Entre as ações realizadas estão a leitura de mensagem sonora em vôo já em solo brasileiro, inspeção do interior da aeronave antes do desembarque, orientação de passageiros e tripulantes sobre seu monitoramento no Brasil e solicitação de informações sobre tripulantes e passageiros às empresas aéreas.

Além disso, o governo de São Paulo determinou o aumento das restrições à operação comercial em todo o estado durante o Natal e o Ano Novo. Apenas os serviços essenciais poderão operar nos dias 25, 26 e 27 de dezembro e 1º, 2 e 3 de janeiro, semelhante ao estabelecido pela classificação da fase vermelha no estado.

Agenda do governo e contas públicas

O líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (PP-PR), afirmou nesta terça-feira que a agenda prioritária para 2021 passa pela reorganização do Estado e das contas públicas.

Entre as propostas citadas pelo dirigente como essenciais estão as reformas tributária e administrativa, a PEC emergencial e a autonomia do Banco Central, e o pacto federativo, além das privatizações. Ele também repetiu o que afirma ser o mantra do presidente Jair Bolsonaro (sem partido): “Não há aumento da carga tributária, não há quebra de teto e não há prorrogação do orçamento de guerra”.

Segundo informações de bastidores divulgadas terça-feira pelo jornal Folha de S. Paulo, o aumento das despesas obrigatórias, impulsionado pela inflação, deve levar o Ministério da Economia a cortar entre R $ 10 bilhões e R $ 20 bilhões no orçamento do próximo ano, segundo membros pasta cujo nome não foi divulgado.

Além disso, a Câmara aprovou nesta terça-feira a minuta da chamada lei cambial, que altera a legislação brasileira sobre o mercado de câmbio e é considerada prioritária pelo Banco Central para a captação de investimentos.

O projeto de modernização cambial prevê o mercado de câmbio brasileiro, capitais brasileiros no exterior, capitais estrangeiros no país e a prestação de informações ao Banco Central. Por acordo entre as partes, os deputados decidiram aprovar o texto-base nesta terça-feira e deixar a análise das emendas, que podem alterá-lo, para 2021.

Radar Corporativo

A Cielo aprovou o pagamento de R $ 151 milhões em juros sobre capital próprio, com valor bruto por ação de R $ 0,05595195275.

O valor será pago em 17 de fevereiro de 2021 com base na posição acionária de 29 de dezembro. Ou seja, as ações passarão a ser negociadas na forma de “ex-JCPs” a partir de 30 de dezembro de 2020.

A Uega (Usina Elétrica de Araucária) assinou acordo com a Petrobras para fornecimento de gás natural de 1º de janeiro a 31 de dezembro de 2021, informou em comunicado a Copel, dona da unidade paranaense.

O contrato prevê o fornecimento de 2,15 milhões de metros cúbicos de combustível por dia, sem obrigação de retirada. Com isso, o Uega ficará à disposição do Sistema Interligado Nacional (SIN) e poderá ser despachado a critério do ONS (Operador Nacional do Sistema), informou a Copel.

A Petrobras fechou novos contratos de longo prazo com a Braskem para o fornecimento de nafta petroquímica para uma unidade industrial em São Paulo e de etano e propano para uma fábrica no Rio de Janeiro, informou terça-feira a petroleira.

Segundo a estatal, o contrato de nafta tem valor estimado em R $ 19 bilhões e entra em vigor nesta quarta-feira, com validade até o final de 2025. Prevê o fornecimento de até 2 milhões de toneladas de matéria-prima por ano . O acordo de etano e propano, estimado em R $ 7,6 bilhões, entrará em vigor em 1º de janeiro de 2021 e também expirará no final de 2025.

O Conselho de Administração da empresa Furnas aprovou um acordo judicial para recuperar R $ 496 milhões da Elétrica, referente a pagamentos indevidos recebidos pela subsidiária da Eletrobras em 1986, informou terça-feira a estatal. O acordo prevê que o pagamento será feito em três parcelas, sendo uma de R $ 336 milhões até 28 de dezembro deste ano, outra de R $ 40 milhões até 5 de dezembro de 2021 e outra de R $ 120 milhões até 18 de março, 2022.

Você quer migrar para uma das profissões mais bem pagas do país e ter a chance de trabalhar na rede XP Inc.? Clique aqui e assista à série gratuita Carreira no Mercado Financeiro!

READ  Número de mortos após terremoto na Indonésia sobe para 73 | Mundo

You May Also Like

About the Author: Hannah Sims

"Guru profissional do café. Jogador típico. Defensor do álcool. Fanático por bacon. Organizador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *