um morcego orelhudo observado após 100 anos de ausência

um morcego orelhudo observado após 100 anos de ausência

Em 2018, pesquisadores da Fundação Oswaldo-Cruz descobriram um morcego com orelhas enormes durante o levantamento de mamíferos no sul do Brasil. “Era um homem […] claramente não pertencia às espécies mais difundidas na região”, disse o cientista Vinícius Cardoso Cláudio, segundo comentários relatados pelo Correio internacional.

Os pesquisadores então compararam o mamífero ao espécime único de morcego orelhudo, Histiotus alienus, mantido no Museu de História Natural de Londres. Eles notaram que os dois animais pareciam semelhantes e confirmou, em agosto de 2023, que os dois morcegos pertenciam à mesma espécie.

“Não sabemos praticamente nada sobre a história desta espécie”, acrescentou Vinícius Cardoso Cláudio. O morcego foi observado pela última vez em 1916 na Mata Atlântica. O último indivíduo foi visto num habitat muito diferente, uma vez que foi descoberto numa região de prados.

A equipe editorial recomenda

Notícias da equipe editorial da RTL na sua caixa de entrada.

Usando sua conta RTL, assine o boletim informativo RTL info para acompanhar diariamente as últimas notícias

READ  Uma partida no Brasil em 2024

You May Also Like

About the Author: Hannah Sims

"Guru profissional do café. Jogador típico. Defensor do álcool. Fanático por bacon. Organizador."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *