Payet contribui para o sucesso do Vasco da Gama

Payet contribui para o sucesso do Vasco da Gama

Publicado em 17 de setembro de 2023

Atualizado em 17 de setembro de 2023

Depois de jogar 45 minutos contra o Bahia (1 a 1), Dimitri Payet fez sua segunda aparição com as cores do Vasco da Gama, seu novo clube. O ex-integrante do Olympique de Marseille poderia ter começado no novo time da casa, mas acabou sendo reserva e jogou os últimos 30 minutos contra o Fluminense de Marcelo, ex-Real Madrid, comandado por Fernando Diniz, o técnico interino do Brasil.

Payet lança o contra-ataque no último gol

O camisa 10 do Vasco entrou pela primeira vez em campo no Estádio Olímpico do Rio de Janeiro, substituindo Marlon Gomes aos 60 minutos neste clássico elétrico. O placar foi então 2-2. E o Vasco finalmente venceu por 4 a 2. Dimitri Payet, que havia feito o “primeiro” e poderia ter dado um passe decisivo contra o Bahia, virou o amuleto da sorte do clube brasileiro. O francês de 36 anos não marcou nem “passou”, mas jogou apenas nas poucas bolas que tocou e trouxe a sua técnica.

No gol de 4 a 2, foi ele quem lançou um contra-ataque que terminou com o gol de Gabriel Pec, autor do 3 a 2 e, portanto, da dobradinha, ele que já não marcava há dois longos meses. “Pago”, como se diz no Brasil, contribuiu assim para a vitória do Vasco da Gama, um sucesso muito importante na luta pela manutenção em que o seu novo clube está empenhado. O Vasco segue na 18ª posição do campeonato, mas volta a 5 pontos do primeiro colocado fora do rebaixamento, o Goiás. Tudo isso, com uma partida a menos contra o dia 19, o América. Quinta-feira, Payet talvez seja titular desta vez contra o Coritiba.

READ  Loot da última parcela lançada para um novo grupo

You May Also Like

About the Author: Hannah Sims

"Guru profissional do café. Jogador típico. Defensor do álcool. Fanático por bacon. Organizador."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *