Potencial lado do Brasil nas Olimpíadas

Após a grande vitória sobre a Coreia do Sul (5-2) na quinta-feira, na partida de preparação, o Brasil confirmou que terá que ser contado durante os próximos Jogos Olímpicos. Considerada uma das favoritas da competição, como a França, mas atrás da Espanha, a Seleção também pode apresentar um onze muito atraente.

FBL-LIBERTADORES-BOCA-PARANAENSE

Santos manterá a jaula brasileira nas Olimpíadas. / JUAN MABROMATA / Getty Images

Ele não é o goleiro brasileiro mais famoso, mas Santos é um bom goleiro, conhecido por sua experiência.

Aos 31 anos, ocupa a gaiola do Atlético Paranaense e há muito tempo … neste caso desde 2010! Escolhido entre os 3 jogadores com mais de 23 anos, vai na pele de titular.

Dani alves

Dani Alves decidiu encerrar a carreira no país, após a passagem pelo PSG. / Pool / Getty Images

A estrela da equipe Auriverde, aqui está ela! A tempo das Olimpíadas, Dani Alves encontrará o Seleçao. E que prazer!

O versátil zagueiro de 38 anos, que ocupa uma posição de meio-campo no São Paulo, vai levar todos os seus conhecimentos para os jovens companheiros, certamente como lateral. O ex-parisiense fará muito bem.

Diego carlos santos

A rocha do Sevilla FC, Diego Carlos. / Fran Santiago / Getty Images

Não o apresentamos mais. Depois de uma passagem de sucesso em Nantes, Diego Carlos definitivamente explodiu no Sevilla FC.

Imbatível na Andaluzia, ao lado de um certo Jules Koundé, o defesa-central Auriverde vai agora tentar imitar os seus serviços como treinador da selecção olímpica.

Nino

Nino vai tentar fazer seu nome com o Brasil Olímpico. / Miguel Schincariol / Getty Images

Bastante desconhecido, Nino terá que proteger o goleiro e a jaula brasileira ao lado de Diego Carlos. E o mínimo que podemos dizer é que o jogador do Fluminense tem tudo de um bom jogador.

Relativamente alto, da altura de seus 1,88m, ele é sólido nos duelos e capaz de trazer qualidade nos levantamentos. O defesa vai compensar em particular a ausência de Gabriel Magalhes – ex-residente do Lille que agora joga no Arsenal – lesionado.

William Arana

Guilherme Arana é titular da seleção brasileira Sub-23. / Srdjan Stevanovic / Getty Images

Pertencente ao Sevilla FC, está em plena ascensão no seu país, emprestado pelo Atlético Mineiro.

No arquétipo do lado brasileiro, o zagueiro esquerdo gosta de aproveitar sua trajetória e trazer o excesso na fase defensiva. Correndo o risco de mostrar algumas lacunas na defesa.

Reinier Carvalho

Reinier é uma das maiores esperanças do futebol brasileiro hoje. / Eurasia Sport Images / Getty Images

Hesitamos muito com o Claudinho. No final, na ausência de Gerson que, recém-chegado à OM, não conseguiu integrar a seleção olímpica, apostamos finalmente no Reinier para evoluir no meio-campo.

Sabemos que aquele que pertence ao Real Madrid mas que joga emprestado ao Borussia Dortmund tem tudo para uma futura estrela. Cabe a ele mostrar seu potencial em Tóquio.

Sérvia Sub-21 x Brasil Sub-23 - Amigável Internacional

Bruno Guimarães, capitão da seleção sub-23 auriverde. / Srdjan Stevanovic / Getty Images

Um meio-campista completo e muito técnico, que demonstrou qualidades imensas desde o inverno passado, quando chegou ao Olympique Lyonnais.

Capitão da Seleção Brasileira Sub-21, Guimarães chega com uma função gerencial nesta seleção olímpica. Uma coisa é certa, seu nome será um dos primeiros na planilha.

Club Brugge KV v Zenit St. Petersburg: Grupo F - Liga dos Campeões da UEFA

Malcom, o excelente ala do Zenit Saint-Petersburg. / Sylvain Lefevre / Getty Images

Chamado recentemente para substituir Douglas Augusto na lista, Malcom tem todas as qualidades e o perfil perfeito para ser titular na ala direita.

Como demonstrou na Ligue 1 durante os seus anos no Bordéus, o jogador do Zenit Saint-Petersburg tem fogo nas pernas e este grão de loucura para embalar encontros.

Matheus Cunha

Matheus Cunha está curtindo a Bundesliga, com o Hertha Berlin. / Alex Grimm / Getty Images

Capaz de evoluir para todas as posições no ataque, Matheus Cunha também goza de uma classificação elevada.

No ano passado, o Paris Saint-Germain recebeu notavelmente a informação sobre o avançado do Hertha Berlin que se consagrou entre os elementos mais talentosos da Bundesliga, pela qualidade dos seus dribles em particular.

Richarlison

Richarlison vai passar o verão de 2021 na seleção nacional. / Alexandre Schneider / Getty Images

Depois da Copa América, perdida na final para a Argentina (0-1) no último fim de semana, Richarlison seguirá na seleção e tentará consolar com a vitória nos Jogos Olímpicos.

Tendo em vista seu status com a Seleçao, o fenômeno Everton deve rapidamente obter um status de quadro com o Sub-23.

Sérvia Sub-21 x Brasil Sub-23 - Amigável Internacional

Gabriel Martinelli, o talento brasileiro do Arsenal. / Srdjan Stevanovic / Getty Images

Ele fez uma estréia estrondosa pelo Arsenal, antes de entrar gradualmente na rotação de Mikel Arteta.

Sim, Gabriel Martinelli tem um grande talento e todas as qualidades necessárias para se tornar um excelente atacante. Sua velocidade fará muito bem ao setor ofensivo de Auriverde.

READ  Uma camisa desenhada por um fã atinge a marca no Brasil

You May Also Like

About the Author: Hannah Sims

"Guru profissional do café. Jogador típico. Defensor do álcool. Fanático por bacon. Organizador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *